Ouvidoria 0800-642-4800

09 de Agosto 2017 Cresol Posto de Atendimento Rio do Campo comemora 10 anos

Em 10 de agosto de 2007 era constituída A Cresol Posto de Atendimento de Rio do Campo, vinculada a Cresol Vitor Meireles. O objetivo principal foi proporcionar assistência financeira aos associados em suas atividades, assim melhorando as condições de vida dos sócios e suas famílias, fomentar a diversificação de renda e a permanência do agricultor no campo. Outro ponto importante foi a busca de crédito nas linhas do Pronaf, pois na época os agricultores tinham dificuldade no acesso destas linhas de crédito para viabilizar as atividades necessárias. O pequeno agricultor não tinha vez. A Cresol começa a liberar crédito e as outras instituições começam a atender melhor os pequenos agricultores para não perder seus clientes.
A história do PA de Rio do Campo inicia em 2006, quando Rodrigo Preis, um jovem de 24 anos que trabalhava na época como facilitador do projeto Micro Bacias 02 da Epagri, começou a visitar agricultores e esses solicitaram a ele que seria interessante a Cresol em Rio do Campo. Sempre em suas reuniões do Micro Bacias o jovem falava da Cresol e assim foi divulgando e explicando sobre cooperativismo de crédito.
Os agricultores inicialmente estavam desacreditados. Para abertura de um PA em Rio do Campo tentou-se atingir a meta de 100 associados, mas não foi possível. Assim, foi constituído com 70 associados, sendo que atualmente esse número aumentou para 1221 sócios. O Posto de Atendimento de Rio do Campo foi o primeiro da Cresol Vitor Meireles, a qual hoje conta com mais três PAs.
O diretor-presidente da Cresol Vitor Meireles, Sérgio Gorges, destaca que a Cresol nestes 10 anos em Rio do Campo contribuiu muito com a agricultura familiar, levando crédito para os pequenos agricultores que não tinham acesso nos bancos. “Mas para isso os agricultores também tiveram que acreditar e apostar na Cooperativa, fazendo aberturas de conta, integralizando seu capital, fazendo suas movimentações financeiras e também aplicando seus recursos na Cooperativa, onde esse dinheiro é reinvestido em recurso para outros associados e o dinheiro gira no comércio local”, salienta Gorges. “Hoje estamos vendo muitos resultados, o PA cresceu, estamos com 1221 associados, mas para isso acontecer tivemos e temos um atendimento diferenciado e buscamos fidelizar os associados ao Sistema Cresol Central SC/RS”, finaliza.
A coordenadora do PA, Cristiane Ignaczuk Balak, também ressalta o crescimento do Posto de Atendimento nestes 10 anos de atuação em Rio do Campo. “O número de associados vem crescendo dia a dia e esse crescimento do PA se dá pela confiança que os associados tem pela Cooperativa”, enfatiza. “A Cresol oferece atendimento humanizado e procura fazer o melhor atendimento, aonde todos os colaboradores são preparados e preocupados em atender o associado da melhor maneira possível, com clareza na apresentação dos produtos e serviços prestados, agilidade na realização das transações e cordialidade, fazendo com que eles se sintam bem e voltem sempre, passando confiança e credibilidade”, reforça Cristiane.  “Buscamos promover o desenvolvimento sustentável e a permanência do agricultor no campo”, enfatiza.
Crescimento
Inicialmente o Posto de Atendimento contava com um colaborador e hoje são seis colaboradores e um diretor liberado. Segundo Cristiane, o PA possui um montante de R$ 8.500.000,00 em aplicação. “Isso prova que é seguro aplicar na Cresol e com maior rentabilidade. Ainda ressaltando que os recursos aplicados contribuem com o crescimento da cooperativa, onde são transformados em crédito para os cooperados que necessitam de financiamentos”, diz a coordenadora.
Ela também comenta que os desafios são grandes e contínuos, pois com o crescimento vem as demandas e exigências e é preciso estar preparado. “Temos que estar melhorando e aperfeiçoando nas linhas de crédito e nossos produtos e serviços para atender a demanda”, finaliza.

 


 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Cresol Central SC/RS

Receba novidades por e-mail